Como evitar que a pressão social atrapalhe seu treinamento
Como evitar que a pressão social atrapalhe seu treinamento
11 de setembro de 2018
Erros comuns cometidos por triatletas
12 de novembro de 2018
Ver todos

5 maneiras de prevenir lesões de corrida

Para os atletas, sejam eles profissionais ou amadores, corredores ou triatletas, a longevidade no esporte depende de diversos fatores. Entre eles, um dos principais diz respeito às possíveis lesões decorrentes da vida dedicada ao esporte. Esse risco é permanente na vida dos atletas, e sem certos cuidados, a possibilidade de uma lesão esportiva torna-se grande – ainda mais com o passar dos anos, quando deixamos a juventude para trás e o corpo começa a cobrar cuidados especiais para manter o desempenho.

Certamente, a maneira mais fácil de lidar com essa situação é trabalhar com a prevenção, pois o tratamento de uma lesão nunca é muito simples. Como diz a máxima: “prevenir é melhor que remediar”.

Segue algumas recomendações simples para evitar lesões de corrida:

Boa nutrição e hidratação

Nutrição e hidratação, sem excessos e com alta qualidade. É importante focar em alimentos antiinflamatórios, como mamão, abacate, brócolis, repolho, pois eles neutralizam os ácidos e aumentam a liberação de alguns hormônios que ajudam na diminuição da inflamação do organismo. Outra boa pedida são as sementes e os peixes ricos em ômega 3, como a sardinha, arenque, salmão, atum, sementes de linhaça e nozes, pois além de ajudarem no combate à inflamação, ainda exercem função importante na recuperação muscular.

Automassagem

Todos nós temos áreas críticas, que são sentidas após um longo de corrida e, algumas vezes, chegam a impedir o treino do dia seguinte. Para evitar que isso aconteça, o ideal é aprender algumas técnicas de automassagem para ajudar na recuperação dessas áreas. Panturrilhas, isquiotibiais, costas, quadris e em torno dos joelhos são as áreas mais comuns, e em todas elas uma ação de poucos minutos pode fazer toda a diferença, ajudando na restauração das fibras musculares e acelerando a recuperação. Hoje em dia, há várias opções no mercado: bolas de massagem, rolos de espuma densa, máquinas massageadoras etc. Vale experimentar!

Acupuntura

Estudos comprovam que a acupuntura chega a reduzir em 30% o nível das dores musculares causadas pela rotina esportiva, além de reduzir a necessidade do uso de medicamentos antiinflamatórios e acelerar a recuperação muscular. Isso porque a acupuntura age diretamente nos processos inflamatórios dos músculos, reduzindo o stress e evitando com que a musculatura chegue a estados-limite, quando está prestes a se lesionar.

Observe-se

Na maioria das vezes, não é um único treino que trará problemas ao seu corpo, mas sim a carga acumulada ao longo de todo o ciclo. É muito comum observar que, com o passar das semanas, o tempo de recuperação torna-se cada vez mais longo, exigindo que você aprenda a lidar com o cansaço em diversas situações. No entanto, procure estar em constante auto-observação, analisando o seu corpo e aprendendo a diferenciar o cansaço natural de um estado-limite, quando algum grupo muscular está “pedindo” algo a mais que o repouso normal. Esse pode ser o sinal de perigo para uma lesão iminente, mas que ainda pode ser contornada.

Converse com o seu técnico para evitar esse tipo de situação, pois ultrapassá-la sem o devido cuidado pode representar uma perda grande no seu planejamento, com tratamentos e sessões extras de recuperação.

Cuide do seu corpo, previna-se e aproveite os seus treinos!

Webtreino
Webtreino
A Webtreino surgiu no ano de 2000, sendo a empresa pioneira na área de Assessoria Esportiva em Curitiba e uma das primeiras no Brasil.
Simple Share Buttons